Qualidade de vida e fatores associados na diabetes mellitus tipo 2: estudo observacional

Autores

  • Soraia Santos Mestrado Integrado em Medicina, Faculdade de Medicina da Universidade do Minho. Médica Interna do Ano Comum, no Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga
  • Helena Beça Médica Assistente de Medicina Geral e Familiar, na Unidade de Saúde Familiar Espinho (ACeS Espinho/Gaia)
  • Carla Lopes da Mota Médica Assistente de Medicina Geral e Familiar, na Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Barão do Corvo (ACeS Gaia)

DOI:

https://doi.org/10.32385/rpmgf.v31i3.11524

Palavras-chave:

Diabetes Mellitus Tipo 2, Qualidade de Vida

Resumo

Introdução: A diabetes mellitus (DM) tipo 2 é uma doença crónica com elevados custos sociais e económicos. Está frequentemente associada à diminuição da qualidade de vida (QoL). Objetivos: Perceber o impacto de alguns fatores sociodemográficos e clínicos na QoL numa amostra de doentes com DM tipo 2. Tipo de estudo: Observacional, transversal e analítico. Local: USF Espinho. População: Constituída por 572 utentes com DM tipo 2 vigiados na USF Espinho, em dezembro de 2012. Métodos: Utilizou-se uma amostra de conveniência, constituída por 231 utentes que se dirigiram à USF para uma consulta de vigilância de DM. Foram recolhidas informações sociodemográficas e clínicas e foi aplicado o questionário Perfil de Saúde do Diabético (DHP) para avaliação da QoL. A influência das variáveis contínuas nos resultados das dimensões do DHP avaliou-se com o coeficiente de correlação de Pearson e a influência das variáveis categóricas com os testes t-student e ANOVA. Resultados: O género feminino, menos habilitações literárias, hipoglicemia severa e complicações microvasculares apresentaram um impacto negativo na dimensão “tensão psicológica” da QoL. As “barreiras à atividade” foram negativamente afetadas por insulinoterapia e hipoglicemia severa. Os doentes com menos habilitações literárias e os não controlados do ponto de vista glicémico revelaram menor QoL no domínio “alimentação desinibida”. Conclusões: A QoL é um conceito complexo com múltiplos fatores determinantes. É importante o estudo destes fatores e a sua avaliação em cada doente com DM para uma intervenção mais eficaz.

Downloads

Publicado

2015-05-01

Como Citar

Santos, S., Beça, H., & da Mota, C. L. (2015). Qualidade de vida e fatores associados na diabetes mellitus tipo 2: estudo observacional. Revista Portuguesa De Medicina Geral E Familiar, 31(3), 186–96. https://doi.org/10.32385/rpmgf.v31i3.11524

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)