Como responder a dúvidas clínicas

Autores

  • David Rodrigues Unidade de Medicina Geral e Familiar NOVA Medical School Universidade Nova de Lisboa
  • Catarina Viegas Dias Unidade de Medicina Geral e Familiar NOVA Medical School Universidade Nova de Lisboa
  • Bruno Heleno Unidade de Medicina Geral e Familiar NOVA Medical School Universidade Nova de Lisboa

DOI:

https://doi.org/10.32385/rpmgf.v35i2.12575

Palavras-chave:

Estudos de síntese, Revisão sistemática, Medicina baseada na evidência

Resumo

O conhecimento médico está em permanente construção e estar actualizado é uma tarefa inerente à prática médica. É objectivo deste artigo rever a metodologia para resposta a dúvidas clínicas e propor o modelo dos 5A para esse efeito. A obtenção de respostas a perguntas clínicas passa por elaborar adequadamente a pergunta, adquirir a informação necessária, avaliar criticamente essa mesma informação, aplicar a evidência ao nosso contexto e prática e por fim actuar de forma a garantir que os doentes recebem os melhores cuidados médicos possíveis.
Este exercício deve ser incluído no dia a dia da prática médica e, caso preencha critérios de novidade, rigor metodológico e relevância para a prática clínica, divulgado e publicado.

Downloads

Publicado

2019-05-14

Como Citar

Rodrigues, D., Viegas Dias, C., & Heleno, B. (2019). Como responder a dúvidas clínicas. Revista Portuguesa De Medicina Geral E Familiar, 35(2), 155–66. https://doi.org/10.32385/rpmgf.v35i2.12575

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>