Hipersexualidade na demência: uma breve reflexão crítica

Autores

  • Magda Alves Simões Unidade de Saúde Familiar Linha de Algés
  • Mariana Ferreira Santos Unidade de Saúde Familiar Linha de Algés

DOI:

https://doi.org/10.32385/rpmgf.v38i2.13042

Palavras-chave:

Demência, Hipersexualidade, Cuidados de saúde primários

Resumo

Nas últimas décadas verificou-se uma significativa mudança na estrutura etária da população correspondente a um progressivo envelhecimento, com aumento da incidência de doenças crónicas e degenerativas, incapacidades e dependências. Entre os problemas de saúde que acometem as pessoas idosas, as síndromas demenciais e as suas complicações, como a hipersexualidade, acarretam um marcado impacto na estrutura familiar e na sociedade, com fortes implicações na utilização de cuidados e serviços de saúde. Foi realizada uma revisão da literatura sobre a abordagem da hipersexualidade na demência, tendo-se concluído que existe pouca investigação sobre o tema e,  consequentemente, orientações clínicas, o que gera dificuldades na sua identificação e abordagem. Pretende-se com este artigo promover a reflexão crítica sobre este problema e suscitar a sensibilização dos profissionais de saúde para o seu reconhecimento, abordagem adequada e realização de investigação para a criação de orientações clínicas.

Biografia Autor

Mariana Ferreira Santos, Unidade de Saúde Familiar Linha de Algés

Interna da Formação Específica em Medicina Geral e Familiar

Referências

Instituto Nacional de Estatística. Projeções de população residente em Portugal: projeções de população residente 2012-2060. Lisboa: INE; 2014 Mar 28. Available from: http://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_destaques&DESTAQUESdest_boui=208819970&DESTAQUESmodo=2

Mortimer JA. Alzheimer’s disease and senile dementia: prevalence and incidence. In: Reisberg B, editor. Alzheimer’s disease: the standard reference. New York: Free Press; 1983. p. 141-8.

Tsai SJ, Hwang JP, Yang CH, Liu KM, Lirng JF. Inappropriate sexual behaviors in dementia: a preliminary report. Alzheimer Dis Assoc Disord. 1999;13(1):60-2.

Black B, Muralee S, Tampi RR. Inappropriate sexual behaviors in dementia. J Geriatr Psychiatry Neurol. 2005;18(3):155-62.

Mulligan T, Siddiqi W. Changes in male sexuality. In: Cassel CK, Leipzig R, Cohen HJ, Larson EB, editors. Geriatric medicine: an evidence-based approach. New York: Springer-Verlag; 2003. p. 719-26.

Johnson C, Knight C, Alderman N. Challenges associated with the definition and assessment of inappropriate sexual behaviour amongst individuals with an acquired neurological impairment. Brain Inj. 2006;20(7):687-93.

Onishi J, Suzuki Y, Umegaki H, Endo H, Kawamura T, Imaizumi M, et al. Behavioral, psychological and physical symptoms in group homes for older adults with dementia. Int Psychogeriatr. 2006;18(1):75-86.

Derouesné C, Guigot J, Chermat V, Winchester N, Lacomblez L. Sexual behavioral changes in Alzheimer disease. Alzheimer Dis Assoc Disord. 1996;10(2):86-92.

Torrisi M, Cacciola A, Marra A, De Luca R, Bramanti P, Calabrò RS. Inappropriate behaviors and hypersexuality in individuals with dementia: an overview of a neglected issue. Geriatr Gerontol Int. 2017;17(6):865-74.

Kafka MP, Prentky R. A comparative study of nonparaphilic sexual addictions and paraphilias in men. J Clin Psychiatry. 1992;53(10):345-50.

Starkstein SE, Robinson RG. Mechanism of disinhibition after brain lesions. J Nerv Ment Dis. 1997;185(2):108-14.

Lilly R, Cummings JL, Benson DF, Frankel M. The human Klüver-Bucy syndrome. Neurology. 1983;33(9):1141–5.

Monga TN, Monga M, Raina MS, Hardjasudarma M. Hypersexuality in stroke. Arch Phys Med Rehabil. 1986;67(6):415-7.

Blustein J, Seeman MV. Brain tumors presenting as functional psychiatric disturbances. Can Psychiatr Assoc J. 1972;17(2 Suppl 2):S59.

Meston CM, Frohlich PF. The neurobiology of sexual function. Arch Gen Psychiatry. 2000;57(11):1012-30.

Series H, Dégano P. Hypersexuality in dementia. Adv Psychiatr Treat. 2005;11(6):424-31.

De Giorgi R, Series H. Treatment of inappropriate sexual behavior in dementia. Curr Treat Options Neurol. 2016;18:41.

Joller P, Gupta N, Seitz DP, Frank C, Gibson M, Gill SS. Approach to inappropriate sexual behaviour in people with dementia. Can Fam Physician. 2013;59(3):255-60.

Alagiakrishnan K, Lim D, Brahim A, Wong A, Wood A, Senthilselvan A, et al. Sexually inappropriate behaviour in demented elderly people. Postgrad Med J. 2005;81(957):463-6.

Downloads

Publicado

2022-04-29

Como Citar

Alves Simões, M., & Santos, M. F. (2022). Hipersexualidade na demência: uma breve reflexão crítica. Revista Portuguesa De Medicina Geral E Familiar, 38(2), 221–5. https://doi.org/10.32385/rpmgf.v38i2.13042