Percursos nos cuidados de saúde primários na pós-pandemia: território, vigilância ativa e vinculação

Autores

  • André Ramalho MEDCIDS - Departamento Medicina da Comunidade, Informação e Decisão em Saúde, Faculdade de Medicina, Universidade do Porto. Porto, Portugal; CINTESIS - Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde. Porto, Portugal; CEJAM – Centro de Estudos e Pesquisas Dr. João Amorim. São Paulo, Brasil. https://orcid.org/0000-0002-8099-3043

DOI:

https://doi.org/10.32385/rpmgf.v38i6.13684

Palavras-chave:

Primary health care

Resumo

x

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Aswani K. Primary care as a gateway to public health. In: Griffiths S, Hunter DJ, editors. New perspectives in public health. 2nd ed. CRC Press; 2007. p. 230-239. ISBN 9781315376677

Beltrammi DG, Reis AA. The fragmentation of the universal healthcare systems and the hospitals as its agents and outcomes. Saúde Debate. 2019;43(Special 5):94-103.

Barnea ER, Nicholson W, Theron G, Ramasauskaite D, Stark M, Albini SM, et al. From fragmented levels of care to integrated health care: framework toward improved maternal and newborn health. Int J Gynaecol Obstet. 2021;152(2):155-64.

Ayres JR, Paiva V, França I. From natural history of disease to vulnerability. In: Parker R, Sommer M, editors. Routledge handbook of global public health. Routledge; 2010. ISBN 9780203832721

López-Pardo Pardo ME, Represas Carrera FJ, Bustelo Cerqueiras V, Rego Romero E, Pérez Dalí A, Rodríguez Abellónet MJ, al. Sistema inteligente para la gestión de la demanda en atención primaria. J Healthc Qual Res. 2022 Nov 10;S2603-6479(22)00094-X. [Online ahead of print]. Spanish

Araujo MC, Vanderlei LC, Mendes MF, Frias PG. O pensar e o agir de profissionais de saúde sobre a coordenação entre os níveis assistenciais da rede de atenção à saúde [The thinking and acting of health professionals on the coordination between the assistance levels of the health care network]. Cienc Saude Colet. 2021;26(8):3359-70. Portuguese

Mendes EV. As redes de atenção à saúde [Health care networks]. Cienc Saude Colet. 2010;15(5):2297-305. Portuguese

Franco TB, Magalhães Júnior HM. Integralidade na assistência à saúde: a organização das linhas do cuidado. In: Franco TB, Magalhães Júnior HM, editors. O trabalho em saúde: olhando e experienciando o SUS no cotidiano. Vol. 2. Hucitec; 2003. p. 125-35.

Viegas SM, Penna CM. Integrality: life principle and right to health. Invest Educ Enferm. 2015;33(2):237-47.

Lemke RA, Silva RA. A busca ativa como princípio político das práticas decuidado no território [The active search as political principal of practices of care in the territory]. Estudos Pesq Psicol. 2010;10(1):281-95. Portuguese

Lipreri A, Adames NL, Pereira GB, Facchini D, Amaral DD, Trentin D, et al. Construindo a integralidade em saúde. In: 17ª Feira de Iniciação Científica, Porto Alegre, RS (Brasil), 2008 Oct 20-24.

Downloads

Publicado

2022-12-30

Como Citar

Ramalho, A. (2022). Percursos nos cuidados de saúde primários na pós-pandemia: território, vigilância ativa e vinculação. Revista Portuguesa De Medicina Geral E Familiar, 38(6), 563–4. https://doi.org/10.32385/rpmgf.v38i6.13684

Artigos Similares

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 > >> 

Também poderá iniciar uma pesquisa avançada de similaridade para este artigo.